RABISCOS POÉTICOS

AMAR É FÁCIL PARA QUEM TEM MEMÓRIA PORÉM, ESQUECER É DIFÍCIL PARA QUEM TEM CORAÇÃO.

Textos


À BEIRA DO CAIS...


No implacável tempo à beira do cais...
Perdidos serão os meus pensamentos,
vagos e matreiros em meus outonais,
a lançar longe os meus sentimentos.


Em navio sem rumo, sem suprimentos,
singrarei mares sem chegar aos locais,
no implacável tempo à beira do cais...
Perdidos serão os meus pensamentos.


Em mar revolto a murmurar seus ais,
navegam as emoções sem fingimentos,
em cada sonho aos periodos sazonais.
O porto que trouxesse encantamentos
No implacável tempo à beira do cais...


 



 
SanCardoso
Enviado por SanCardoso em 17/02/2016
Alterado em 09/08/2019
Copyright © 2016. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras