RABISCOS POÉTICOS

AMAR É FÁCIL PARA QUEM TEM MEMÓRIA PORÉM, ESQUECER É DIFÍCIL PARA QUEM TEM CORAÇÃO.

Textos


RELÓGIO...

Será  um relógio há marcar o tempo?
Ponteiros há marcarem as horas?
Na rápida velocidade do vento.
Nem sempre o hoje, nos é, o agora!

Passam as notas, pela melodia.
nos altos sustenidos de uma canção.
Toca um acorde solto sem harmonia.
dedilhado ao léu sem inspiração.

O musico a dedilhar o seu violão.
sabe o porquê, que aquela nota chora.
uma nota extra, acrescentada tardia.

A registrar no relógio um  tempo.
de um acorde, a tocar com ironia.
A sufocar no peito, o seu EU pensamento.


 
SanCardoso
Enviado por SanCardoso em 20/11/2011
Alterado em 16/11/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (www.sancardoso.prosaeverso.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras